Seu blog de Relações Públicas e Propaganda

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

7 coisas que aprendi sobre empreendedorismo? A 3 vai te surpreender!

Estou sem tempo. Estou com medo. Tenho prioridades. Preciso vender. Muita coisa pra estudar. Lista de livros e artigos pra ler. Pessoas para atender. Qual é o meu propósito? Bateram no meu carro. Contas para pagar. Faturamento. Lucro. Despesa! Bom, se a gente for fazer a verdadeira nuvem de tags do empreendedorismo, teríamos mais problemas do que glamour. E eu não falo isso só sobre o empreendedor que possui o seu próprio negócio, mas sim, aquele que se comporta como empreendedor na sua CLT.

Sou um Relações Públicas que atua com projetos de inovação, jornada do usuário, experiência do cliente, consultorias e comunicação para empresas que querem ser vistas e reconhecidas. Faço relacionamento, alguns colocam no cartão de visita que isso se chama "Rain Maker" ou "Faz Chover", mas, eu sou mesmo, empreendedor.

Rain Maker. Ah Tá!

Ao longo da minha jornada, que está completando 7 anos aprendi muitas coisas de duas formas muito simples: A certa e a errada. Quando você consegue colocar no espectro o que é certo e o que é errado, a lógica do "depende" se torna impossível, até para os marketeiros mais experientes. Ou seja, ou você faz, ou você não faz!

Primeira coisa que aprendi: Faturamento não é pró-labore

"Cerbasimente" falando, o dinheiro possui sempre dois caminhos: ida e volta. Não tem outro jeito! Faturamento é aquilo que sua empresa recebe e dele é retirado impostos, custos fixos, possíveis investimentos e isso é ida. O que você vai retirar é uma parcela do seu faturamento que deixe a possibilidade da sua empresa sempre ter uma reserva para possíveis imprevistos e isso é volta. O caixa da empresa não é o seu parque de diversões, resumindo.

Segunda coisa que aprendi: Confie no seu sócio, sempre desconfiando

Busque sempre ter momentos em que você e seu (s) sócio (s) possam contar ideias e falar sobre dificuldades. A parte de desconfiar é importante para gerar cobrança. A cobrança entre sócios deve existir sempre. Quando um puxa o outro a coisa anda e o resultado fica com mais chances de ser positivo. 

Terceira coisa que aprendi: Sua família e seus amigos não vão comprar de você

É ilusão. Nunca faça pesquisa para abrir um novo negócio tendo como público de pesquisa a sua família e os seus amigos. Eles sempre "esquecem a carteira em casa". Em 3 anos que tenho o meu escritório, nunca fiz um serviço sequer para um parente ou amigo. E o pior... eles fazem sozinhos, fazem sem qualidade, se ferram e depois querem a sua opinião. Liberdade é uma m#%$¨#.

Quarta coisa que aprendi: Você sempre tem tempo, pare com essa desculpa!

Estou no sal! Não tenho tempo pra nada! Muita correria... ok! Tudo bem! Isso é sinal de prosperidade, certo? Não! A gestão do tempo é tão importante que já se tornou clichê falar desse negócio. Tem gente que se envolve em tanta coisa que não consegue fazer o que dá lucro ou o que dá mais prazer. Conheço gente que faz storyes o tempo todo, inclusive aos domingos e feriados com a hashtag "#HojeTambémÉDia" achando que isso é lindo, maravilhoso. Se toca! Lindo é ter tempo e qualidade de vida. _ "Mas eu preciso aproveitar enquanto estou novo pra trabalhar pra caramba". Muito legal! E quando ficar mais velho você vai precisar de quê? 

Isso não foi num domingo: Desenvolvimento de Jornada de Experiência do Cliente

Quinta coisa que aprendi: Fuja dos gurus. Procure pessoas!

Existe um boom gigantesco de gurus na internet. Contei na semana passada 30 perfis novos começaram a me seguir no Instagram com o título de Coach. Juro que nunca vi na vida tanta gente falando sobre desenvolvimento pessoal com tão pouco conteúdo. Pessoas que dão Control C + Control V em perfis de auto-ajuda não merecem o seu respeito. Eles não produzem nada, não criam nada e querem ajudar você a alcançar o sucesso que nunca tiveram. Procure por pessoas de verdade que produzam coisas originais. 

Sexta coisa que aprendi: Não deixe ninguém colocar preço no seu serviço

Tá caro! Você já ouviu isso sobre o seu trabalho? Ou pior... Eu vi com outra pessoa e ele faz pela metade do preço. Sinceramente, quero que essas pessoas sejam felizes cobrando R$300,00 (sim, isso é real) por um planejamento de comunicação. Isso não paga nem a gasolina. Veja bem... não estou dizendo pra você não negociar. Negociar é muito normal. Anormal é vender a alma para o diabo e fazer do seu preço uma parcela da Casas Bahia.

Sétima coisa que aprendi, mas não é a última: Pare de usar tanto termo em inglês

Empreendendo com startups, inovação, projetos de comunicação, o mais comum é você conviver com gente que sempre manda aquele vocábulo americanizado pra mostrar que sabe das coisas. O marketing é cheio dessas coisas e com o advento da tecnologia e das mídias digitais, os Xoxial Mídias, os Startapeiros, os aprendizes de publicitários, ou melhor, todo mundo que anda envolvido com business (perdão, com esse mercado!) adoram terminologias gringas. 

É muito comum aqueles cartões de visita com gente que nunca faturou uma nota fiscal, abriu um CNPJ e nunca soube o que é pagar aquele imposto docinho no início de cada mês com cargos escalafobéticos e super imponentes. É muito CEO pra pouca ação. Ficar rico na planilha sobe na cabeça de muita gente, mas, pra transferir o dinheiro das células do Excel para uma conta bancária temos um caminho longo. Mas, lembre-se: sua família não vai comprar! 

Também aprendi que as pessoas confiam em quem está com o microfone na mão (não seja enganado... a internet aceita tudo)

Compartilhe comigo!

Pessoal, logicamente que aprendi muito mais que sete coisas. Fiz essa lista pois aprendi que na internet o público ama listas e é um gatilho mental maravilhoso, porém, também sei que é muito bom para organizar ideias e tornar o texto menos chato. Espero que tenha gostado e, acima de tudo que você coloque algum aprendizado seu aqui nos comentários. Abraço e até a próxima!
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

3 comentários:

  1. Aprendi muito com as 6, mas a sétima vale ouro! Great Job ahahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Juliana, ótima sacada! Great Job kkkkkkkkkkkkkk Very good.

      Excluir
  2. Parabéns! Muito legal as dicas. Vou guardar pra mim. ♥

    ResponderExcluir

Copyright © RP e PP | Traduzido Por: RP e PP

Design by Maurity Cazarotti | Blogger Theme by RP e PP

}); //]]>